fbpx

Chá de capim-limão contra suor excessivo (hiperidrose) funciona?

O suor é uma ação natural, frequente e até saudável do nosso corpo, mas, apesar disso, geralmente, odiamos ficar com aquela sensação peguenta, pois é bem desagradável.

No verão, essa impressão ainda aumenta visto que, durante a estação, suamos ainda mais.

Para tirar essa impressão, é fácil: basta tomar um bom banho.

No entanto, as pessoas que sofrem com a hiperidrose sabem que, infelizmente, uma boa ducha e o investimento em diversos produtos nem sempre vão fazer com que o suor excessivo diminua.

Diante desse problema, muitas pessoas que têm essa condição recorrem a alternativas mais naturais, como o consumo de chá para suor.

Nesse sentido, o chá de capim-limão pode ser uma opção? Será que a ingestão dessa bebida é, de fato, um chá para suor excessivo?

Quer saber mais sobre o assunto? Basta ler esse texto! Vamos juntos aprender mais?

Para que serve capim-limão?

O capim-limão também é conhecido como capim-santo, capim-cidreira ou mesmo o capim-cheiroso.

Independentemente do nome que é chamado, o capim-limão é uma erva que pode ser utilizada como tempero no cozimento de determinados alimentos.

Essa erva também pode ser usada para fins medicinais e terapêuticos.

Isso porque ela é ricamente composta em citral, citronela, limoneno, geraniol e outros que são compostos bioativos que, por sua vez, têm poder antioxidante.

Além disso, o capim-limão é uma fonte – bem rica! – de vitaminas do complexo A e C bem como composto por ácido fólico e minerais, como cálcio, manganês, ferro e muitos outros.

Por conta disso, o capim-limão é uma planta que, de fato, apresenta muitos benefícios à nossa saúde já que tem propriedades fundamentais tais quais: calmante, ansiolítica, estimulante, expectorante, relaxante, analgésica, antisséptica, antidepressiva e diurética.

Diante desses efeitos, o capim-limão pode ser usado para:

  • Alivio de dores leves (cólica, dores de cabeça e musculares) e de dores reumáticas
  • Ajuda a dormir e no tratamento a insônia
  • Prevenção de controles epiléticos
  • Tratamento da ansiedade e depressão
  • Fortalece o sistema imunológico
  • Combate à oleosidade do rosto e, consequentemente, cravos e espinhas
  • Retenção de líquidos
  • Contribui no combate e no tratamento de infecções bacterianas
  • Atua como repelente natural
  • Auxilia na manutenção dos níveis regulares de insulina
  • Previne e trata determinados tipos de câncer

Então, como você pode reparar, o capim-limão pode – e deve! – ser utilizado para combater e prevenir muitas enfermidades mais graves bem como no tratamento de dores mais pontuais e leves.

No mais, a erva de capim-limão também apresenta propriedades anti-bactericida e antimicrobiana.

Por conta disso, muitas pessoas com hiperidrose a utilizam, especialmente para fazer chá, para diminuir o suor excessivo, mais conhecido como hiperidrose.

Hiperidrose: o que é?

A hiperidrose é um assunto mais frequente entre as pessoas que sofrem com ela, mas muita gente nem sabe que a tem.

Isso porque, segundo dados, essa condição afeta cerca de 1% a 5% da população. Bastante gente, né? Mas o que, de fato, é hiperidrose?

Como o próprio nome já sugere, a hiperidrose corresponde ao quadro de suor excessivo.

Essa transpiração acontece por meio do hiperfuncionamento, ou seja, trabalho exacerbado das glândulas sudoríparas écrinas.

Estas, por sua vez, eliminam o suor sem exalar cheiro e estão espalhadas pelo corpo, mas em predominância na região das mãos, axilas e na planta dos pés.

Sendo assim, quem tem hiperidrose sofre com o suor excessivo, principalmente, nesses locais.

É claro que isso varia conforme o tipo de hiperidrose.

Isso porque, geralmente, a hiperidrose primária focal acomete crianças e adolescentes e constitui na transpiração excessivo nessas regiões citadas acima.

Já, a hiperidrose secundária generalizada acontece devido à uma condição médica, como alguma doença, ou como efeito colateral do uso de determinados remédios.

No caso desse tipo, a transpiração excessiva atinge todas as áreas do corpo ou regiões mais incomuns.

Tratamento para hiperidrose

Felizmente, essa condição não é letal, mas, em contrapartida, proporciona momentos constrangedores e bem desagradáveis.

Por conta disso, é necessário buscar formas de tratamento para hiperidrose. Alguns métodos utilizados são:

  • Antitranspirantes
  • Medicamentos anticolinérgicos
  • Aplicação de toxina botulínica
  • Cirurgias

Obviamente, essas estratégias dependem da gravidade de cada caso. Infelizmente, nem sempre essas formas, de fato, diminuem a transpiração.

Chá de capim-limão contra suor excessivo (hiperidrose) funciona?

Como falamos anteriormente, nem sempre os métodos utilizados para tratar a hiperidrose são realmente eficazes.

Por conta disso, algumas pessoas recorrem às estratégias mais naturais já que, geralmente, não apresentam tanto risco à saúde, como o chá de capim-limão.

Isso porque a erva, como já explicamos, tem propriedade antimicrobiana e anti-bactericida. Portanto, ele é uma opção para diminuir a presença desses micro-organismos.

No entanto, não é possível afirmar que o chá de capim-limão, de fato, fará com que transpiração excessiva diminua.

Uma alternativa é, juntamente com outros métodos de tratamento para hiperidrose, ingerir o chá para suor excessivo.

Como fazer chá de capim-limão

É fácil e prático fazer chá de capim-limão. Para isso, você vai precisar de:

  • Folhas frescas picadas de capim limão
  • Água

Vamos ao passo a passo?

  1. Em uma xícara, coloque 1 colher (sopa) de folhas frescas picadas da erva capim-limão e cubra-as com água fervente.
  2. Tampe a xícara e deixe as folhas descansarem por cerca de 5 a 10 minutos
  3. Após esse tempo, coe e beba em seguida

Você pode consumir 3 a 4 xícaras por dia do chá de capim-limão.

E aí, gostou do nosso post?

Você já bebeu chá de capim-limão?

Post A Comment

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *