fbpx

Dermosec X Odaban X Driclor: qual é melhor para suor excessivo?

Diariamente, nós suamos, principalmente quando estamos passando por situações estressantes ou em ambientes bem quentes.

Essa é uma ação normal do nosso corpo para regular a nossa temperatura.

No entanto, quando o suor se torna excessivo ou aparece, até mesmo, em momentos de repouso, é preciso ficar atento.

Isso pode ser sinal de hiperidrose.

No Brasil, estima-se que essa condição atinge entre 1% a 3% da população.

Apesar de não ser letal, essa característica não é fácil de lidar, especialmente no verão.

Isso porque pessoas que sofrem com ela podem passar por situações constrangedoras e desconfortáveis.

Em razão disso, é de extrema importância que procure um profissional especialista no assunto para que, assim, ele possa indicar o melhor tratamento para o seu caso.

Dependendo do seu quadro, a alternativa mais preferível pode ser o uso de antitranspirante para hiperidrose.

Vamos conhecer mais sobre eles?

Entre os mais populares: Odaban, Driclor e Dermosec, qual é o melhor?

Continue lendo para descobrir qual é o melhor para você!

Antitranspirante ou botox nas axilas? O que é melhor pra suor excessivo?

Tratamento para hiperidrose

Existem alguns tratamentos disponíveis e indicados para casos de suor excessivo. Alguns deles são:

  • Uso de medicamentos: Nesse caso, alguns remédios anticolinérgicos podem inibir a estimulação das glândulas sudoríparas. Embora sejam eficazes, os medicamentos não são muito receitados
  • Iontorese: Esse tratamento envolve o procedimento que usa eletricidade para “desligar” temporariamente a glândula do suor. Geralmente, é mais eficiente para a transpiração das mãos e pés
  • Toxina botulínica: Também conhecida como aplicação de botox, a toxina botulínica bloqueia temporariamente a sudorese. Pode ser injetado nas axilas, nas mãos ou nos pés
  • Simpatectomia: Esse tratamento é específico para casos graves já que é um procedimento cirúrgico. Ela pode ser de dois tipos: simpatectomia torácica e simpatectomia lombar
  • Utilização de antitranspirantes: Indicada para todos os casos, o uso de antitranspirantes pode controlar o suor excessivo

Desodorante x antitranspirante: qual a diferença?

Muitas pessoas acham que o desodorante e antitranspirante são produtos iguais.

Porém, ambos apresentam características diferentes.

Enquanto o desodorante ameniza ou elimina o odor corporal, o antitranspirante bloqueia, temporariamente, as glândulas sudoríparas.

Como consequência, esse feito diminui a transpiração.

No caso da hiperidrose, os antitranspirantes recomendados contêm cloreto de alumínio hexahidratado na composição.

Sabendo disso, separamos algumas três opções: o Dermosec, o antitranspirante Odaban e o Driclor. Vamos conhecê-los?

Antitranspirantes para hiperidrose

Dermosec

O Dermosec é uma das opções disponíveis de antitranspirante para hiperidrose.

Tal produto é vegano e cruelty free, isto é, não utiliza nada animal em sua fórmula.

Dessa maneira, ele é composto por:

  • Álcool cetearílico
  • Estearato de glicerila
  • Glicerina
  • Ceteareth-20
  • Cloridato de Alumínio
  • Ácido lático
  • Bisabolol
  • Fenoxietanol
  • Olus Oil (mistura de triglicerídeos naturais de origem vegetal)
  • Niacinamida

O Dermosec é vendio em duas versões: a loção, mais indicada para mãos e pés, e o Roll-on que é exclusiva para a região axilar.

Aprovado pela Agência Nacional de Vigilância Sanitária (ANVISA), esse antitranspirante para hiperidrose pode ser usado por mulheres grávidas e lactantes, isto é, que estão amamentando.

Existem muitas dúvidas se o Dermosec funciona, mas isso não é possível garantir: algumas pessoas sentiram que a transpiração diminuiu e, em muitos casos, parou. Porém, a grande parte não sentiu nenhuma melhora expressiva.

Caso queira experimentar, o preço do Dermosec (1 unidade) é R$ 119,20.

Dermosec funciona? É bom?

Odaban

Outra opção de antitranspirante para hiperidrose disponível no mercado é o Odaban.

Também aprovado pela ANVISA, esse produto é suave e oferece proteção de 24 horas contra a transpiração excessiva para a maioria das regiões do corpo.

Sendo assim, ele pode ser aplicado no rosto, couro cabeludo, corpo, axilas, virilhas e outras partes intimas, e nos pés.

De fácil aplicação e com facilidade para medir a quantidade, o odaban funciona e não apresenta efeitos colaterais.

Por isso, ele é um dos mais famosos antitranspirantes para hiperidrose.

Em sua composição, os elementos que aparecem são:

  • Álcool
  • Cloreto de alumínio hexahidratado
  • PEG – 12 Dimeticona

Embora muitas pessoas achem pouca quantidade (um frasco tem 30 ml), o Odaban costuma render entre seis meses e um ano.

No mais, o preço do Odaban é R$ 119,90. 

Driclor

O Driclor também é um antitranspirante para hiperidrose bem procurado.

Seu frasco de 60 ml é recomendado para suor excessivo em áreas como axilas, mãos e pés.

Em sua fórmula, contém elementos como:

  • Cloreto de alumínio hexahidratado USP 20%
  • Álcool

Apesar de algumas pessoas notarem melhoria na questão do suor excessivo nas áreas aplicadas por Driclor, muitas também sentiram alguns efeitos colaterais: o mais comentado de todos foi a sensação de “pinicação” na pele.

Onde comprar Driclor: no site oficial do produto. No mais, o preço do driclor é R$ 119,70. 

Top 4 melhores antitranspirantes para combater a hiperidrose!

Qual é o melhor antitranspirante para hiperidrose?

Agora que você conhece três opções de antitranspirantes para reduzir – e eliminar – o suor excessivo e melhorar a qualidade de vida, você pode estar se perguntando qual é o melhor para hiperidrose.

Bom, pelo preço, as três opções são bem parecidas. Dessa maneira, o que difere é a qualidade deles.

Há muitos relatos que o Dermosec não funcionou e que o Driclor apresentou irritação na pele.

Sendo assim, o Odaban funciona e, entre as alternativas, é a melhor opção de antitranspirante para hiperidrose.

Top 4 melhores antitranspirantes para combater a hiperidrose!

E aí, gostou de conhecer sobre os antitranspirantes para hiperidrose?

Conte sua experiência sobre algum deles

Post A Comment

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *