fbpx

Desodorante infantil: pode ou não?

Já ouviu falar da hiperidrose infantil?

Veja também: Hiperidrose em crianças é possível? Como tratar?

Ao contrário do que muitos pensam, a hiperidrose pode sim afetar as crianças, e atinge cerca de 5% delas de acordo com pesquisas.

A hiperidrose é a responsável por fazer com que os afetados sintam mais calor do que o normal e consequentemente suem excessivamente.

Ela pode ser generalizada ou local, e muitas vezes é acompanhada de um odor desagradável em algumas regiões do corpo, como nas axilas e nos pés, por exemplo.

Se esse mau cheiro, os famosos “cê-cê” ou “chulé”, acontece antes da fase da puberdade, é necessário ficar de olho, pois pode se tratar da doença em questão.

Ela pode acontecer por fatores genéticos, e até mesmo por ansiedade, estresse ou alergias.

Pode surgir desde a primeira infância, entre dois e três anos, e posteriormente se agravar ou não.

Quanto antes notar o problema, melhor para o monitoramento efetivo e especializado mais rápido.

Sintomas podem ser percebidos pela transpiração abundante, roupas manchadas e amareladas.

Não se trata de uma doença grave, mas traz um desconforto constante muito grande nos pequenos, gerando inseguranças com a autoconfiança, criando problemas também emocionais.

Como lidar com a hiperidrose infantil?

O mais recomendado é que busque por um acompanhamento clínico para melhor avaliação e tratamento para o problema.

O médico pode indicar alguns determinados sabonetes que acabam com as infelizes bactérias, procedimentos cirúrgicos, ou até mesmo algum antitranspirante.

Infelizmente, não tem como evitar essa doença, mas além do tratamento adequado, você pode aprender a lidar com ela no dia a dia como utilizando roupas que auxiliam na ventilação, usando tecidos de fibras naturais.

Tratamentos para hiperidrose infantil

Inicialmente é indicado um antitranspirante, mas, se o problema não for resolvido, outras medidas devem ser tomadas de acordo com o profissional.

Essas medidas podem incluir medicamentos para regulação hormonal, retirada das glândulas sudoríparas, ou aplicação de toxina botulínica no nervo responsável pelo suor.

Mas será que antitranspirantes infantis são seguros para as crianças?

Bom, os antitranspirantes convencionais com certeza não fazem bem para a saúde dos baixinhos.

Veja também: Desodorante de alumínio causa câncer de mama?

Isso por conta de seus componentes químicos e o risco de inalação do aerossol.

Porém a partir dos 12 anos esse uso já se torna possível de acordo com a Anvisa.

Para os mais novos, já existem no mercado desodorantes hipoalergênicos e mais naturais.

Esses sim são indicados e mais seguros, costumam resolver mais de 90% dos casos.

Quais são os melhores antitranspirantes para criança?

Veja também: Top 4 melhores antitranspirantes para combater a hiperidrose!

Isso depende do que o médico receitar. Existem vários no mercado: Visto.bio, Bhava, Odaban, Protégé, entre outros.

É importante sempre se atentar para as substâncias presentes na composição do produto para não causar nenhum efeito colateral.

Não deve ter parabenos e ftalatos. Os melhores são nas versões em creme ou roll on, e de preferência sem fragrâncias.

Você consegue encontrar esses antitranspirantes em farmácias físicas e lojas online, e os preços variam, mas também consegue produzir o seu próprio natural em casa.

Receitas caseiras de antitranspirantes para crianças

Manteiga de karité

Você vai precisar de:

  1. Algumas gotas de óleo essencial da sua escolha
  2. 2 cápsulas de vitamina E
  3. 3 colheres de sopa de manteiga de karité
  4. 2 colheres de sopa de manteiga de cacau
  5. 2 colheres de sopa de amido de milho
  6. 3 colheres de sopa de bicabornato de sódio

Derreta em banho-maria as manteigas de karité e cacau, o amido de milho e o bicabornato.

Misture todos os ingredientes e adicione o óleo essencial.

Gele a mistura e mantenha o frasco sempre em ambiente arejado. Aplique o desodorante.

Leite de magnésio

Você vai precisar de:

  1. ½ xícara de leite de magnésio
  2. ¼ xícara de água
  3. 1 colher de chá do óleo essencial da sua escolha

Misture os ingredientes em um frasco com saída de spray. Aplique na região.

Bicabornato de sódio

Você vai precisar de:

  1. Bicabornato de sódio

Aplique o pó seco diretamente na região. Utilize os dedos ou uma esponja para passar o ingrediente.

Outra alternativa:

  1. 2 colheres de chá de bicabornato de sódio
  2. 1 copo de água

Dissolva o bicabornato na água em um frasco com saída de spray e deixe repousar por 24h.

Aplique na região.

Veja também: Remédio caseiro para acabar com o suor do rosto

O que achou das nossas dicas?

Seu filho já usou desodorante infantil?

Compartilhe sua experiência e opinião com outros aqui nos comentários!

Post A Comment

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *